Resenha do Cd Ritmos Do Brasil / Ademir Candido

RITMOS DO BRASIL  title=

RITMOS DO BRASIL
ADEMIR CANDIDO
2018

TRATORE
Por Anderson Nascimento

Como apropriadamente diz o nome do quinto álbum autoral de Ademir Cândido, multi-instrumentista, dedicado majoritariamente ao Jazz, este trabalho, que arrola o momento de sua volta ao Brasil após mais de duas décadas de radicação na Suíça, festeja o ritmo multifacetado que este país, quase sem querer, acaba emprestando às canções feitas por aqui.

No álbum isso fica claro em canções como “Pakito na Gafieira”, que te leva para um passeio na Lapa, no Rio de Janeiro, e “Exotando”, Xote que te transporta diretamente para o Nordeste brasileiro.

No álbum há muitos momentos que merecem destaque como “Pro Luizão”, canção de identidade musical única, e “Abraço Pro Guinga”, onde vale destacar as participações de Jaques Mollenbaum, no Cello, e Darelly Sette e suas vocalizações que conduzem o instrumental da canção. Falando nisso, o disco traz ainda uma única canção cantada, que é “Amor Carioca”, por onde desfila o Cello e a bonita voz de Filó Machado.

Gravado no Rio de Janeiro em 2018 pelo quarteto formado por Ademir Cândido (guitarra, cavaquinho, violão, viola de 12, baixo elétrico, bateria, percussão e voz) , Fernando Moraes (piano e teclados), Sidão Santos (baixo acústico) e Renato Endrigo (bateria), o disco conta ainda com os convidados como Jaques Morelenbaum (cello), Marcelo Martins (sax soprano), José Carlos Bigorna (flauta), Jota Moraes (vibrafone), Diogo Gomes (trumpete), Marcelo Amaro (pandeiro), Kiko Horta (acordeon), Marcelo Amaro (triângulo, xequerê e efeitos) e Darelly Sette, Filó Machado e Paloma Costa (voz).

Este disco é o que podemos chamar de verdadeiro álbum instrumental, onde os protagonistas são os instrumentos, carinhosamente orientados por músicos talentosos e apaixonados por sua tão bonita profissão.

Ritmos do Brasil saiu em formato físico, com distribuição da gravadora Tratore, mas também pode ser encontrado em plataformas digitais como o Spotify. No projeto consta ainda um DVD e um E-book com as partituras.

Resenha Publicada em 22/05/2019





Esta resenha foi lida 589 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas