Resenha do Cd Hate For Sale / Pretenders, The

HATE FOR SALE title=

HATE FOR SALE
PRETENDERS, THE
2020

BMG
Por Anderson Nascimento

Com “Hate For Sale”, lançado em 17 de julho, a banda americana The Pretenders chega ao seu 11º álbum, primeiro álbum desde “Alone”, lançado em 2016. O álbum marca o retorno do baterista Martin Chambers, membro original da banda, afastado desde 2002.

O disco inicia promissor com o single que dá nome ao trabalho, trata-se de um Rockão oitentista até o talo. E a sequência também anima, o single “The Buzz” é daquelas faixas que você gama nos primeiros acordes.

Mas no geral o disco vai perdendo o fôlego com canções pálidas como o reggaezinho “Lightning Man” e bobagens como “Junkie Walk”, que até tem chances de funcionar ao vivo.

Ainda assim o disco traz momentos interessantes e isso ocorre sempre que a banda aposta no Rock, que o diga faixas como “Turf Accountant Daddy”, Rock moderno e dançante de riff forte, a stoniana “I Didn’t Know When to Stop”, ou ainda “Didn’t Want to Be This Lonely”, já caminhando para o fim do disco. O álbum também traz baladas, há duas: “You Can’t Hurt a Fool” e “Crying in Public”, com destaque para a primeira.

Com dez músicas em meia hora de duração, no geral, o disco não deixa de ser interessante, e também não faz feio na discografia do grupo. Certamente vai divertir mais do que incomodar, vida longo à banda!



Resenha Publicada em 30/07/2020





Esta resenha foi lida 158 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas