Resenha do Cd Curriculum / érika Martins

CURRICULUM title=

CURRICULUM
ÉRIKA MARTINS
2010

DISCOBERTAS
Por Anderson Nascimento

Para celebrar os mais de dez anos de carreira e um já vistoso currículo, os fãs da cantora Érika Martins ganharam um presentão do selo Discobertas. Trata-se da coletânea “Curriculum”, onde fonogramas de diversas fases da carreira da cantora são enfileirados e reunidos em um único disco.

A tarefa de montar essa compilação não parece ter sido fácil, já que as canções envolvem parcerias com outros artistas, discos de tributos, canções de sua antiga banda, além de raridades e uma música inédita.

Em “Curriculum”, temos o prazeroso dèja-vu de relembrar canções da época da banda Penélope, como “Holiday”, o primeiro sucesso da banda, e “Namorinho de Portão”, ambas oriundas do primeiro álbum “Mi Casa, Su Casa”. Do maravilhoso (e já raro) álbum “Buganvília”, estão presentes “Caixa de Bombom” e “Não Vou Ser Má”, esta última com participação da cantora Wanderléria. Do terceiro álbum, “Rock, Meu Amor”, temos “Continue Pensando Assim”, que traz a especialíssima participação de Samuel Rosa.

Com relação às parcerias de Érika com grandes nomes de nossa música, destacam-se “In Between Days” cover do “The Cure” gravada junto com Herbert Vianna, que ainda hoje é muito tocada nas rádios de repertórios mais “lights”, além de “A Mais Pedida”, uma das canções mais conhecidas da banda “Raimundos”. Já das regravações em tributos destacam-se a parceria com os “Autoramas” na canção “Let Me Sing, Let Me Sing”, gravada no tributo à Raul Seixas e “Goodbye”, gravado em um álbum em tributo aos Beatles.

O disco ainda tem espaço para a rara “Pare o Casamento” com a sua banda paralela “Lafayette & Os Tremendões”, que havia figurado somente em um compacto em vinil. Além da inédita “Waiting For My Song”, canção que já é hit no comercial do Mercado Livre que vem sendo vinculado na Tv.

O belo e esmeroso trabalho gráfico do disco, característica marcante nos lançamentos do selo Discobertas, é um destaque por trazer bonitas fotos e recuperar a ficha técnica da gravação de cada faixa, incluindo nesse contexto o nome do álbum onde cada canção apareceu originalmente, coisa que deveria ser obrigatória em coletâneas.

Com o acertado lançamento de “Curriculum”, o público em geral poderá ter idéia da importância e do talento de Érika Martins para o nosso pop/Rock contemporâneo. Recomendadíssimo!

Resenha Publicada em 29/06/2010





Esta resenha foi lida 902 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas