Página do álbum /

MEMÓRIAS DE UM SARGENTO DE MILÍCIAS title=

MEMÓRIAS DE UM SARGENTO DE MILÍCIAS
MARTINHO DA VILA
1971

RCA

Breve Descrição
O terceiro disco de Martinho quase não foi lançado. Martinho ainda não tinha certeza de que largar o seu cargo de Sargento no exército era a melhor decisão, principalmente por conta das vendas do disco anterior. Ainda assim, sem saber, Martinho era o maior vendedor de discos de sua gravadora RCA, que queria influenciar mais na produção do seu terceiro disco. Martinho ameaçou não gravá-lo, deixando os executivos da gravadora de cabelos em pé. Enfim, Martinho aceitou então gravar o que seria o seu primeiro álbum conceitual, fato que se repetiria muitas vezes ao longo de sua carreira. Uma das exigências da gravadora era que o disco fosse produzido pelo maestro Rildo Hora, figura que seria muito importante na carreira do sambista. O disco cobre as memórias afetivas de Martinho, que busca em ícones do Samba, como Candeia, Cabana, Ataulfo Alves, Xangô da Mangueira e Paulinho da Viola, as palavras que o artista queria dizer. Entre os sucessos do disco estão “Segure Tudo”, “Menina Moça” (canção antiga de seu repertório) e “Quem Pode Pode”, todas de sua autoria. O disco foi um sucesso, vendendo cerca de 300 mil cópias. (Anderson Nascimento)


Resenhas




A página deste álbum foi vista 727 vezes.



Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista

CDs


Outras Resenhas