Resenha do Cd Coisas De Menina / Luen

COISAS DE MENINA title=

COISAS DE MENINA
LUEN
2010


Por Anderson Nascimento

Filha de uma brasileira e um alemão, a cantora Luen Cugler, nascida nos Estados Unidos, onde foi alfabetizada e ficou até os nove anos, veio para o Brasil, e foi criada na cidade de Búzios no Rio de Janeiro, onde cresceu no meio musical, participando de algumas bandas e movimentos musicais durante esse período.

Dois fatores são preponderantes para aguçar a curiosidade de quem pega para ouvir o primeiro disco da cantora Luen.

O primeiro envolve o combo sucesso e polêmica provocada após a divulgação no YouTube do clipe da música “Coisas de Menina”, primeiro single do primeiro álbum da cantora, e que rapidamente ultrapassou as dez mil visualizações, chamando a atenção de todos por conter cenas de meninas ilustrando a letra da música.

O segundo fator é a participação de Luen no reality show “Geléia do Rock” de onde a cantora saiu como grande vencedora da primeira temporada do programa do canal a cabo Multishow.

Os motivos supra-citados são suficientes para que as atenções estejam voltadas para o lançamento de “Coisas de Menina“, disco lançado agora pelo selo Discobertas, que põe Luen e sua competente banda formada por Pedro Terra (Guitarra), Antônio Van Ahn (teclado), Paulo Aiello (baixo) e Rick De La Torre (bateria), entre os principais lançamentos desse já iniciado segundo semestre.

A cantora foi descoberta pelo produtor carioca Clemente Magalhães, que produz o álbum dando a ele um clima roqueiro que foge do lugar comum, alterando momentos com nuances das mais variadas possíveis, e que, por conta disso, acaba tornando o CD de estréia de Luen , um interessante instrumento de devoção ao Rock que expira os melhores momentos do gênero, praticados entre os anos setenta e os dias de hoje.

Um bom exemplo disso é a canção “Rock and Roll”, com pinta da atraente fase roqueira de Rita Lee, ainda com a banda “Tutti Frutti”. Falando em Rita Lee, Luen relê, com um belo resultado, “Menino Bonito”, canção lançada por Rita no disco “Atrás do porto tem uma cidade” de 1974, que aqui ganha um arranjo que beira ao etéreo e que certamente emocionará o ouvinte.

“Im Moving On”, canção de Yoko Ono, gravada para o projeto “Mrs Lennon”, dá provas de que a cantora se sai muito bem cantando na língua bretã, além disso, Luen também mostra toda a sua potencia vocal em “Cry Me A River”, versão do clássico escrito por Arthur Hamilton e já regravada centenas de vezes, e que aqui ganha um fino acabamento hard-Rock, e seu peculiar tratamento à “It Not For You” de Dylan, que também aponta a fuga de recriações que bebam puramente do folk tradicional.

Contrastando com esse seu potencial, a cantora também se sai bem ao entoar baladas, como na épica canção “Sexta-feira”, um dos melhores momentos do álbum, ou quando abre timidamente o seu álbum com a minimalista “4 da Manhã”.

“Coisas de Menina” é uma bela estréia. Trata-se de um disco roqueiro, autoral e honesto que vai somar pontos positivos para a nova geração de bandas e artistas que estão surgindo recentemente.

Resenha Publicada em 06/07/2010





Esta resenha foi lida 868 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





LOJALOUCOSPORMUSICA - camisetas, miniaturas, chaveiros

Acesse: https://www.loucospormusica.com/

Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas