Resenha do Cd Brothers / Black Keys, The

BROTHERS title=

BROTHERS
BLACK KEYS, THE
2010

NONESUCH
Por Simone Ribeiro

Este pode ser o sexto álbum da banda The Black Keys, mas com certeza Brothers é o primeiro passo para levar o duo formado por Dan Auerback (guitarra/baixo/voz) e Patrick Carney (bateria) ao maintream. Se é que existe, neste caso, melhor sentido da palavra.

Nada contra os que gostam de mesmices do rock moderno e sem criatividade, mas Brothers é para ser apreciado por quem procura um som com influencias fincadas no blues e folk indie, características marcante do The Keys.

Apesar de ter sido lançado há alguns meses atrás, Brothers teve repercussão, principalmente, pela participação e repercussão da banda em grandes festivais como o Loolapalooza e Glastonbury. Para desespero dos fãs mais antigos da banda, de Ohio, que já está na estrada desde 2001. Sim, o mainstream chegou para o The Black Keys e vai ser difícil voltar atrás. Ainda mais com Brothers ocupando a terceira do chart da Billboard.

E o cd já está na minha lista dos favoritos de 2010 tem faixas de tirar o fôlego como a linda Never gonna give you up. Uma daquelas músicas que você fica cantarolando o riff sem perceber. Todo disco bom que se preze tem uma boa faixa de abertura e Everlasting Light faz as honras de Brothers. Com belíssimo backing vocals, de Nikki Wray, diga-se de passagem.

black keys 2 eu diria que Next Girl apresenta as influências Zeppelianas e hendrixianas da banda de maneira um tanto quanto explícita e tudo bem, porque é uma das melhores faixas do Cd. A faixa 6, Black Mud, é uma instrumental recomendada a ser ouvida enquanto está se fazendo algo que goste muito. Pena que ela tem apenas dois minutos, e nesse caso, o prazer dura pouco.

Howlin for you é a própria música feita pra festival. Refrão, acordes e jeito de hit de banda grande, sem perder a pose rock and roll, claro. Porque deve ser nessa hora que Dan mostra mais do que uma voz potente, mas uma pose de lead singer de peso.

Tighten up tem cheiro de hit e é hit. E deve ter contribuído bastante para os sold outs por onde quer a banda possa passar. Está certo que o queblack keys 3 ed03 sai da mente brilhante e criativa de Dan Auerbach também contribui um pouco.

As outras faixas de Brothers entrariam fácil num lado B da banda. Mas já que são boas músicas vamos dizer que pelo menos nove delas entram fácil em qualquer mixtape de favoritas. Brothers é um cd que coloca a banda no limbo, com pé no underground e outro no mainstream, mas tudo sem perder as qualidade do som.

E não há como negar que eles entram também para o hall das bandas favoritas de uma galera que a gente considera nossos favoritos. Quer a lista? Vou te dar um nome, Thom Yorke, e esse já o motivo para você correr para ouvir Brothers e os outros CDs do The Black Keys.

--------------
Publicado originalmente no Mídia Ativa

Resenha Publicada em 06/09/2010





Esta resenha foi lida 889 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





LOJALOUCOSPORMUSICA - camisetas, miniaturas, chaveiros

Acesse: https://www.loucospormusica.com/

Outras Resenhas do Artista

CDs


Outras Resenhas