Resenha do Cd Na Hora Certa / Ronaldo Jones

NA HORA CERTA title=

NA HORA CERTA
RONALDO JONES
2013

MUTANTE
Por Anderson Nascimento

Baixista que fez parte da lendária banda Sangue da Cidade, e verdadeira lenda do Rock brasileiro, Ronaldo Jones lançou em 2013 “Na Hora Certa”, disco baseado sobre uma forte base bluesística, Ronaldo Jones abre o álbum com “Vem Ouvir o que é Bom”, faixa onde, sem pestanejar, o músico presta uma homenagem aos seus ídolos e influências, citando cada um deles ao longo da faixa.

A sequência “Vermelho Carmim”, traz a participação de Roberto Frejat tocando guitarra slide. Frejat, aliás, não é o único Barão que toca no disco, já que Guto Goffi também aparece na Stoniana “A Vida é Bela”, na roqueira “Roubada de Amor” e “Tempo Real”, esta última, a melhor faixa do disco.

Outros momentos bacanas também são “Hey Man”, faixa de mensagem estimulante, que traz a participação de Sérgio Vid, companheiro de Ronaldo na banda Sangue da Cidade, dividindo os vocais com Ronaldo Jones, e “O que Eu Curto é o Momento”, blues que lembra bastante a poesia de Cazuza.

É perceptível no decorrer do álbum influências de Rolling Stones, Barão Vermelho e Celso Blues Boy, no trabalho de Jones. Dessa forma, o disco vai agradar em cheio aqueles que curtem a azeitada e sempre produtiva mistura de Rock com Blues.

Resenha Publicada em 18/01/2014





Esta resenha foi lida 1166 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas