Resenha do Cd Welcome To The Magic Room / Splippleman

WELCOME TO THE MAGIC ROOM title=

WELCOME TO THE MAGIC ROOM
SPLIPPLEMAN
2014

INDEPENDENTE
Por Valdir Junior

Sabe aquele dia que você acorda querendo “ouvir” alguma coisa nova, uma música/banda que você nunca tinha ouvido antes, e que te faça sorrir, se arrepiar e se emocionar? Eu sempre tenho esses momentos, e muitas e muitas vezes não consigo aplacar essa vontade. Mas o acaso quis que no final de 2014 eu conhecesse a banda curitibana Slippleman, e essa vontade foi plenamente saciada.

O Splippleman lança de forma digital o album “Welcome to the Magic Room – Splippleman at Abbey Road” ( https://soundcloud.com/splippleman ), como o próprio nome do álbum diz, ele foi gravado, mixado e masterizado no mítico estúdio londrino onde a nata do Rock e do Pop mundial já passou. O fato de ser o primeiro álbum da banda e a preocupação de gravá-lo em Abbey Road, já dá para nós sentirmos o tipo de qualidade, profissionalismo e comprometimento dos músicos com esse trabalho.

O Splippleman faz música (todas cantadas em inglês) do mais puro e excelente Pop Rock, e com uma “pegada” moderna e vibrante. Uma coisa que transparece em cada faixa é o cuidado tanto nos arranjos quanto nos vocais das músicas, lembrando momentos de bandas como Beatles (como não poderia deixar de ser), Beach Boys, ELO e mais recentemente Blur e Oasis.

O primeiro single de trabalho é a excelente, pegajosa e Power pop “X-Ray Riff Machine” com um dos melhores riffs de guitarra dos últimos tempos, música essa que supera, e muito, qualquer musica dessas que encabeçam os tops 10 das rádios brasileiras e por que não internacionais. Outro destaque é “The Lady Is Going Down”, música daquelas para ouvir no último volume e cantar junto, e também a linda balada ao violão “Duofellow (Common Madness on Demand )”.

O álbum traz uma faixa bônus, “Me Mysel”, música que teve sua base gravada no Brasil, mas mixada e masterizada em Abbey Road, teve seu videoclipe premiado em 2012 no Festival Nacional de Videoclipes e, em 2013, no Festival Internacional de Cinema de Avanca, Portugal, é puro pop rock. A faixa “Feel Sorry” é uma pérola do Slippleman, que mostra o potencial pop da banda numa faixa cheia de climas e vocais de arrepiar.

A Banda formada por Lincoln Fabricio na voz e violão, Fábio Serpe na guitarra, violão e vocais, Emanuel Moon na bateria, Ricardo Bastos no baixo e Sérgio Justen nos teclados e piano, tem todo o potencial para se destacar com louvor em qualquer mercado musical desse planeta e se ao vivo eles fizerem metade do que esta nesse álbum, com certeza vão incendiar as plateias desse Brasil e mundo afora. Bem não perca mais tempo, vá já agora ouvir (é só dar o play abaixo desse texto) uma das melhores e mais inteligentes bandas que apareceram por aqui.

Resenha Publicada em 12/01/2015





Esta resenha foi lida 2106 vezes.



Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z



Saiba como anunciar no Galeria Musical

Outras Resenhas do Artista

CDs


Outras Resenhas