Resenha do Cd Sobre Ramones E Flores / Kicking Bullets

SOBRE RAMONES E FLORES title=

SOBRE RAMONES E FLORES
KICKING BULLETS
2016

INDEPENDENTE
Por Anderson Nascimento

Grupo formado em 2004 na cidade de Maringá, cidade do estado do Paraná, o Kicking Bullets carrega em seu currículo uma série de apresentações importantes, em que chegaram a abrir shows para bandas como Capital Inicial e O Rappa, dentre outros.

“Sobre Ramones e Flores” é o terceiro disco do grupo, e consolida a formação do grupo que há quatro anos é composta por Ricardo Michels (vocais), Rafael Ferreira (guitarra/backing vocals), Marcus Vinicius (Guitarra), André Manzotti (bateria) e Mauricio Mendes(baixo).

O disco traz um misto de várias sonoridades como o Folk e o Reggae, em menor escala, mas o grupo na maior parte do tempo passeia pelo o Hard Rock clássico e Pop-Rock. Com levada Hard a faixa inicial “Tempos Rasgados” carrega aura oitentista, e ainda que não seja exatamente um blues, chega a lembrar a pegada do saudoso Celso Blues Boy nos 80s. Essa mesma pegada está em outros momentos do álbum, como na sequência “Planeta do Login”, e mais pro fim do disco, com “Aqui Se Faz, Aqui Se Paga”.

A faixa que ajuda a dar o nome ao álbum “Ramones e Flores” inicia com o indefectível “one, two, three, four” do mais querido grupo punk da história. Ainda que os Ramones sejam citados na canção, a faixa tem levada bastante Pop, ungida por uma melodia agradável cortada por um solo cortante e envolvente.

Faixas como “Arlequins e Palhaços” confirmam a veia oitentista do grupo, a canção é outro destaque do disco juntamente com outros momentos mais Pops, que são os mais atrativos do álbum. Nesse balaio estão canções bastante originais como “40 Vezes”, a balada “Memórias” e as bacanas “Vestida Para a Morte” e “Um Passo de Cada Vez” que, além de seguirem a mesma linha, são alguns dos principais destaques do disco.

O título do disco já evidencia bem a proposta da banda, ou seja, misturar paradoxos, peso e suavidade ao longo das 16 faixas inéditas que o álbum traz. Bom disco!

Para quem se interessar pelo som do grupo, todos os álbuns podem ser baixados de graça no site oficial da banda.

Resenha Publicada em 14/06/2016





Esta resenha foi lida 811 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista


Outras Resenhas