Resenha do Cd Caetano Veloso / Caetano Veloso

CAETANO VELOSO title=

CAETANO VELOSO
CAETANO VELOSO
1971

UNIVERSAL MUSIC
Por Pedro Martins

Desde “The Empty Boat” e “Lost in the Paradise”, em seu álbum branco de ’69, Caetano Veloso demonstra capacidade ímpar de compreender o lirismo e a dicção poética da língua inglesa, aspecto intrinsecamente tropicalista de sua obra. Capturando, no som de uma língua estrangeira, a melancolia de sua própria condição de estrangeiro, ou ainda, colorindo o inglês com musicalidade brasileira, o compositor nos presenteia com belas canções, cuja originalidade é proporcional à qualidade de sua concepção e execução.

O terceiro disco homônimo de Caetano Veloso inclui obras-primas como “London, London”, que, assim como “A Little More Blue”, reflete, em tom autobiográfico, a angústia do compositor em viver longe de seu país. Por outro lado, “Shoot Me Dead” e “If You Hold a Stone” mostram uma outra face do disco, associada à irreverência de construções poéticas minimalistas e metafóricas não menos contundentes. Entre a bossa e a fossa, a síntese triunfal: “Maria Bethânia”, canção que incorpora melancolia e irreverência em um jogo de forças ancorado na dicção das línguas inglesa (a voz distante, estrangeira) e portuguesa (a voz familiar da saudade).

Além do ótimo ciclo de canções, o álbum apresenta uma sonoridade coerente e bem definida. Os acompanhamentos, carregados pelo violão, são brilhantemente contornados por contrabaixos criativos e audaciosos. Permeando acordes e melodias, as ótimas percussões encerram a bela textura dos arranjos. Pelo que foi dito até aqui, a ausência de ficha técnica no encarte do disco é vergonhosa e imperdoável.

Eis um álbum referencial, que contribuiu enormemente para a evolução da linguagem da música popular no Brasil. Trata-se de um disco que merece ser escutado, compreendido e assimilado cuidadosamente, dada sua qualidade, importância e contemporaneidade. Arrisco dizer que, desde então, não testemunhamos um trabalho que aproxime dois cenários culturais distintos com a perspicácia que encontramos aqui.

Resenha Publicada em 17/04/2012





Esta resenha foi lida 1390 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista

CDs


DVDs


Outras Resenhas