Resenha do Cd Under Cover / Ozzy Osbourne

UNDER COVER title=

UNDER COVER
OZZY OSBOURNE
2005


Por Anderson Nascimento

Não que a mega exposição da vida do “Príncipe das Trevas” no seriado “The Osbournes” tenha sido responsável por afetar a sua voz, a sua criatividade e sua saúde. A grande questão é que pudemos assistir a queda de um mito fantamagórico e até então demoníaco. De qualquer forma isso não afeta em nada o seu passado glorioso e o seu presente, mas ao lançar o seu novo disco, um apanhado das canções preferidas de seus próprios ídolos, Ozzy se rende à sua verdadeira face, dócil e amável.

A voz pastosa que agora o acompanha, reproduz o seu verdadeiro estado de saúde. Se analizarmos por uma ótica bem criteriosa, "In My Life", canção angustiada escrita por John Lennon ainda nos Beatles, é quase um adeus público de Ozzy, vide o vídeo clipe. Aliás John, é um dos grandes homenageados neste álbum, pois além de "In My Life", o ex-Beatle é lembrado também em "Woman", em uma versão pop-emocionada numa clara homenagem à sua esposa, e em "Working Class Hero", em uma versão meia-boca.

Ozzy ainda se sai bem em músicas no estilo pesado que o consagrou durante toda sua carreira, é o caso de "Rock Mountain Way" (Joe Wash) e "Mississipi Queen" (Montain) pouco conhecida no Brasil.

Mas são realmente as canções de cunho mais pop que se destacam no álbum, além das já citadas homenagens à Lennon, "Go Now" (Moody Blues), "All The Young Dudes" e "Sunshine of Your Love" (Cream), são grandes destaques. Esse aspecto talvez seja mais facilmente entendido quando notamos os produtores Mark Hudson e Steve Dudas como responsáveis pela obra, para quem não sabe, a dupla trabalha com os discos do ex-Beatle Ringo Starr desde o início da década de 90, inclusive os mesmos trabalharam com Ozzy em uma participação do mesmo no disco do Ringo de 1998 "Vertical Man".

ntendendo todos esses aspectos, o disco é uma bela homenagem de Ozzy aos seus ídolos, os fãs talvez não gostem do repertório extremamente pop que para Ozzy é muito justo e agradável, para os críticos um tanto quanto óbvio, afinal de contas por que Ozzy ainda não havia gravado "Simpathy for The Devil" dos Stones?

Resenha Publicada em 15/03/2006





Esta resenha foi lida 807 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista

CDs


Outras Resenhas