Resenha do Cd Enredo / Martinho Da Vila

ENREDO title=

ENREDO
MARTINHO DA VILA
2014

BISCOITO FINO
Por Anderson Nascimento

Ao longo de sua incrível carreira, Martinho da Vila tem lançado esporadicamente discos conceituais, algo que se intensificou, principalmente, na última década, ainda que no passado Martinho também eventualmente dedicasse alguns de seus discos a temas específicos, como fez em 1980, quando lançou pela primeira vez um álbum só com Sambas enredos. Trinta e quatro anos depois, Martinho volta a gravar um disco inteiro com essa temática.

Dessa vez, porém, o mote vai além do que fez em “Samba Enredo”, pois nesse disco, Martinho gravou apenas Enredos de sua composição, enquanto que no álbum co-irmão foram reunidos diversos sambas de variados autores e escolas de samba.

Outro fato também relevante é que nesse disco o sambista resgata apenas Sambas seus, criado para as Escolas de Samba Unidos de Vila Isabel e Aprendizes da Boca do Mato, incluindo então, raros Sambas, entre eles, alguns que nem chegaram a ser utilizados em desfiles de Escolas de Samba, caso de “De alegria pulei, de alegria cantei”, interpretado de forma irrepreensível pelo seu filho Tunico da Vila.

De acordo com o artista, a ideia para o disco veio a partir de uma busca feita em suas memórias por seus Sambas de Enredo, quando ele descobriu que alguns desses Sambas se perderam com o tempo. O objetivo desse disco foi então compilar vinte e quatro composições para preservá-las contra o fator tempo. Dessa forma, o disco elenca sambas como “Noel a Presença do Poeta”, “Onde o Brasil aprendeu a liberdade”, “Sonho de um sonho”, “Prá tudo se acabar na Quarta Feira”, e até “A Vila canta o Brasil, celeiro do mundo”, Samba que levou a Vila Isabel a ganhar o Carnaval de 2013.

Martinho continua à vontade na área que sempre dominou, uma pequena mostra de seu inabalável talento é dada na saideira do disco “A Vila Canta O Brasil Celeiro Do Mundo, Água No Feijão Que Chegou Mais Um”, cantada de maneira impressionante pelo artista, o que faz desse o melhor momento do disco.

As participações especiais, algo também comum nos últimos álbuns do artista, também dão um toque especial ao disco. Beth Carvalho, por exemplo, nos brinda com uma linda interpretação de “Onde o Brasil Aprendeu a Liberdade / Sonho de um Sonho”, que segundo a cantora, é o melhor Samba já feito por Martinho. Além de sua prole, formada por Mart'nália, Analimar, Martinho Filho, Maíra Freitas, Juliana Ferreirah e Tunico Da Vila, quem também dá as caras é a Sambista Alcione que faz dueto com Martinho na afro-brasileira “Prece ao Sol / Iemanjá, Desperta!”.

Às vésperas de se iniciar o Carnaval de 2014, “Enredo” chega como um verdadeiro presente aos fãs de Martinho da Vila, do Carnaval e do Samba. Viva Martinho, viva o Samba!

Resenha Publicada em 20/02/2014





Esta resenha foi lida 1358 vezes.




Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Resenhas do Artista

CDs


Outras Resenhas