New Document

Galeria Musical

Resenha de DVD

    O BAÚ DO RAUL 25 ANOS SEM RAUL SEIXASVÁRIOS
    2015
    Por Anderson Nascimento

    opinião dos leitores: 3.00 de um total de 1 votos








    Em comemoração aos 25 anos de morte do nosso querido Raulzito, completados dois dias depois da gravação deste show realizado em 19 de agosto de 2014, no palco da Fundição Progresso (RJ), vários artistas se reuniram para celebrar a sua obra através de 24 canções, incluindo as faixas bônus.

    A casa cheia pôde assistir a um desfile de sucessos e lados B da carreira de Raul, interpretados por diversos artistas e gente próxima ao Raul como Claudio Roberto, Luiz Carlini, Marcelo Nova, Edy Star, e até a sua banda Os Panteras.

    Entre os vários destaques do DVD estão as interpretações do cantor soteropolitano Baia para a canção “Loteria da Babilônia” e a teatral performance de “Sessão das 10” feita por Edy Star e os Panteras. Também foram muito bem Luiz Carlini com o “Rock das Aranha”, Digão com “Aluga-se”, Tico Santa-Cruz com “Sapato 36” e Marcelo Jeneci com a interpretação Pop de “Cowboy Fora-da-Lei”.

    Marcelo Nova também foi (e sempre é) um show à parte, mesmo com a óbvia releitura de “Rock and Roll”, faixa gravada com Raul no disco “A Panela do Diabo” (1989) que reuniu a dupla e foi lançado dois dias antes de sua morte.

    Os extras estão bem servidos com um making-off que traz pequenas depoimentos de gente como Kika e Vivi Seixas, Edy Star e Rick Ferreira. Além disso, lá estão mais seis apresentações que ficaram de fora do alinhamento final do DVD, incluindo a Nação Zumbi com BNegão tocando “Manguetown”, como parte da homenagem ao Raul que, sinceramente, eu não entendi.

    No geral, apesar de bastante válido, o show não é perfeito. Jerry Adriani (com Os Panteras), por exemplo, poderia ter investido um pouco mais de tempo nos ensaios de “Você Ainda Pode Sonhar”, versão de “Lucy In Te Sky With Diamonds” dos Beatles, faixa presente no primeiro e único LP dos Panteras. A ótima cantora Ana Canãs também parece não ter agradado muito a plateia que, visivelmente entediada, tentava se automotivar com versões chatas para um pot-pourri com as canções “Medo da Chuva” e “Metamorfose Ambulante”, feitas na guitarra.

    Participam ainda a Plebe Rude (Philippe Seabra e Clemente), Cachorro Grande (Beto Bruno e Marcelo Gross), Forfun, Nação Zumbi, BNegão, Gabriel Moura, Zeca Baleiro e IRA! (Nasi e Edgard Scandurra). Vale destacar que estes últimos, fizeram uma boa versão de “Pai Nosso da Terra”, poema escrito por Raul em 1981, musicado e lançado pelo IRA! em seu disco “Música Calma Para Pessoas Nervosas” (1993).

    É sempre bom poder ouvir Raul novamente, seja através de suas próprias gravações, ou por intermédio de tributos como o realizado nesse show. Raul foi figura única não só no Rock brasileiro, mas também na música popular brasileira, e merece todas as homenagens.

    Resenha publicada em 08/06/2015





    Esta resenha foi lida 1581 vezes.

Classifique o álbum!



BUSCA POR ARTISTAS

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

BUSCA INTERNA

ANIVERSARIANTES DE HOJE


ANUNCIANTES



outras resenhas do mesmo artista


CDs


DVDs


Livros