Discografia Comentada - George Harrison

GEORGE HARRISON title=

GEORGE HARRISON

Liverpool - Inglaterra
Desde: 1968
Nascimento: 25/02/1943
Falecimento: 29/11/2001
Site oficial: http://www.georgeharrison.com/

Descrição do Artista
Chamado de "Quiet Beatle" por ser o Beatle mais calado, George foi um grande compositor e guitarrista que teve uma carreira solo marcada por altos e baixos. Seu principal momento foi logo após a sua saída dos Beatles, onde Harrison lançou um álbum triplo, mostrando que ele tinha muito a mostrar ao mundo.

Esta discografia foi acessada 6235 vezes.


Álbuns
    Wonderwall Music
    1968
    Por Anderson Nascimento




    Primeiro disco de George, lançado em 1968 traz a trilha sonora instrumental do filme. Quando foi lançado George ainda era um Beatle. Hoje tornou-se uma peça rara de colecionador em sua versão em vinil. Recentemente foi lançado em cd, porém já encontra-se fora de catálogo.

    Electronic Sounds
    1969
    Por Anderson Nascimento




    Este disco lançado em 1969, foi resultado de uma experiência de George nos novos aparelhos eletrônicos da Apple. Trata-se de um disco instrumental experimental com barulhos sem muito sentido. Se conseguir ouvi-lo mais de uma vez, você é um herói.

    All Things Must Pass
    1970
    Por Anderson Nascimento




    Assim que os Beatles acabaram oficialmente, George surpreendeu a todos com um álbum triplo com 23 canções inéditas, trazendo músicas que já estavam sendo compostas desde a época dos Beatles. O disco sem dúvida é o melhor de sua carreira, sendo julgado por muitos como o melhor álbum solo de um ex-Beatle. Fazem parte deste disco os clássicos "My Sweet Lord", "Isnt It A Pity", "What is Life" e a faixa título "All Thigs must Pass".

    Concert for Bangladesh
    1971
    Por Anderson Nascimento




    George organizou o concerto bebeficente em prol de Bangladesh, país muito pobre da Ásia. Foi a primeira vez que George tocou ao vivo sem os Beatles. Como convidados, estrelas da época, além de amigos de George como Bob Dylan, Eric Clapton, Badfinger, Leon Russel e Billy Preston. A parte chata do disco é, sem dúvida, a participação do músico indiano Ravi Shankar.

    Living in Material World
    1973
    Por Anderson Nascimento




    Apesar de ser um bom disco, dá para sentir uma queda de qualidade se o mesmo for comparado com o álbum de estúdio anterior. O único hit do disco é "Give me Love", que tocou exaustivamente nas rádios. Outro destaque deste disco é "Dont let me wait too long".

    Dark Horse
    1974
    Por Anderson Nascimento




    Neste disco deu tudo errado para George Harrison, ele estava preparando banda e repertório para uma mal sucedida turnê nos EUA, enfrentou um grave problema de voz, que se reflete nas músicas deste disco que acabou sendo gravado as pressas. Por esses motivos Dark Horse, é bem fraco e acabou estigmatizado pelos resultados desse período. Com forte teor espiritual, o álbum emplacou os hits "Ding Dong, Ding Dong" e a bonita faixa título.

    Extra Texture
    1975
    Por Anderson Nascimento




    George volta a subir de produção, lança um bom álbum puxado pelo mega hit "You". Um outro grande destaque do disco é a balada "I Cant Stop Think About You". Este é o disco mais lento e minimalista da carreira de George.

    The Best of George Harrison Vol.1
    1976
    Por Anderson Nascimento




    Esta é a primeira coletânea de George, e cobre sua carreira desde os Beatles até o Extra Texture, último disco lançado até então. É uma boa oportunidade para quem quer conhecer a primeira fase da carreira de George.

    Thirty three and 1/3
    1976
    Por Anderson Nascimento




    Discasso! George mostra pela primeira vez um som mais comercial, neste que é o primeiro disco lançado pela Warner. Com uma sonoridade mais pop, George vem com tudo, apresentando músicas como "Beautiful Girl", "This Song", "True Love" e o hit "Crackerbox Palace".

    GEORGE HARRISON
    1979
    Por Anderson Nascimento

    Ler resenha completa


    Seguindo a mesma linha do álbum anterior, este disco intitulado apenas como George Harrison, traz vários hits e fez muito sucesso no mundo todo. Também é um disco bem pop e comercial, que está entre os melhores discos da carreira do ex-Beatle. Ele é quase uma coletânea, "Love Comes To Everyone", "Here Comes the Moon", "Blow Away", "Faster", todas hits, isso sem contar com "Not Guilty" e "If You Believe", outros grandes momentos do álbum.

    Somewhere in England
    1981
    Por Anderson Nascimento




    Um bom disco, sem muitos hits, mas com boas músicas. O disco é puxado pela música-homenagem "All Those Years Ago", em memória à John Lennon, recém assassinado. "Blood from a Clone", "Teardrops" e "Save The Wolrd" são os outros destaques do álbum.

    Gone Troppo
    1982
    Por Anderson Nascimento




    Este disco é sem dúvida o mais fraco da carreira de Harrison, se for começar uma coleção de George, não recomendo começar por ele. Um disco sem muita inspiração que deixa de lado o talento do guitarrista, principalmente pelo ritmo voltado para uma sonoridade mais reggae, com teclados e sintetizadores. Ainda assim podemos destacar do disco as músicas "Thats the way it goes" e "Wake up my love".

    CLOUD NINE
    1987
    Por Anderson Nascimento

    Ler resenha completa


    Após cinco anos sem gravar um disco, Harrison surpreende a todos e volta a lançar um discasso. "Cloud Nine" foi um sucesso no mundo inteiro, inclusive no Brasil. George está super inspirado neste disco com bastante guitarras e com aquele jeitinho Beatle. Os hits deste disco são "I Got My Mind Set on You", "When We Was Fab" e "This is Love". Isso sem contar com as maravilhosas "Thats what it Takes", "Someplace Else"e "Devils Radio". Infelizmente, após lançar este disco, George não lançaria mais nenhum album de estúdio solo em vida.

    The Best of George Harrison Vol.2
    1989
    Por Anderson Nascimento




    Segunda coletânea de George Harrison, desta vez cobrindo a fase Warner, de 1976 à 1989. Os grandes destaques do álbum são as inéditas "Poor Little Girl", "Cockamamie Business" e "Cheer Down", que foi trilha sonora do filme "Máquina Mortífera 2".

    Live in Japan
    1992
    Por Anderson Nascimento




    Um bom disco que traz uma das poucas oportunidades para os fans de George de conhecer o seu trabalho ao vivo em um álbum duplo. O repertório é muito bom e atravessa momentos antológicos como "Something", "While My guitar gently weeps" e "I Want to Tell You". Este cd marca o último show ao vivo de George Harrison, e único lançado em oficialmente.

    All Things Must Pass 2000
    2000
    Por Anderson Nascimento




    Pouco antes de morrer, George lançou uma edição comemorativa de seu primeiro álbum após os Beatles. Nesta edição, as músicas ganharam remasterização e foram adicionadas a música inédita "I Live for You", além de três versões diferentes de clássicos do álbum e uma nova versão do clássico "My Sweet Lord".

    Brainwashed
    2002
    Por Anderson Nascimento




    Um ano após a morte de George, este álbum póstumo foi lançado, trazendo o disco que o mesmo preparava antes de morrer. Um bom disco, que ao contrário do que possa parecer, é bem pra cima quase nos fazendo esquecer sua morte. Os destaques são "Any Road", "The Rising Sun" e "Stuck Inside a Cloud".

    Concert for George
    2003
    Por Anderson Nascimento




    Uma constelação de amigos de George Harrison, organizados por Eric Clapton, se juntaram para prestar uma homenagem ao amigo falecido. Tom Petty, Paul McCartney, Ringo Starr, Jeff Lynne, Clapton, Billy Preston entre outros, fazem um emocionante show à altura do mito que foi George.

    Dark Horse Years
    2004
    Por Anderson Nascimento




    Caixa com os cds da fase Warner contendo todos os álbuns rematerizados, com bônus e um Dvd com vídeo clipes e entrevistas de George Harrison.

    Let it Roll
    2009
    Por Anderson Nascimento




    Essa é a terceira coletânea de George Harrison, e primeira a compreender toda a carreira do músico. O disco em questão foi muito contestado pelos fãs, por deixar muitos clássicos de fora, optando por trazer algumas faixas ao vivo e uma instrumental, "Marwa Blues". Ninguém entendeu nada.

    GEORGE FEST: A NIGHT TO CELEBRATE THE MUSIC OF GEORGE HARRISON
    2016
    Por Anderson Nascimento

    Ler resenha completa


    Tributo realizado ao ex-Beatle George Harrison em 28 de setembro de 2014 no Fonda Theatre em Los Angeles, trazendo artistas como Brian Wilson, Norah Jones, Brandon Flowers, Ben Harper e Ian Astbury. Diferentemente do primeiro tributo, neste o time de estrelas não é assim tão sonante, o que faz com que o belo repertório de George seja o maior destaque.



Busca por Artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z





Outras Discografias

Outras Resenhas